Você se lembra de como costumava aproveitar as férias escolares? Muita gente curtia essa época com brincadeiras na rua. Hoje em dia isso tem se tornado cada vez mais incomum, mas as brincadeiras de rua também têm uma função social importante para as crianças.

Todo o processo do brincar que vai desde reunir crianças de diversas idades e formações, criar ou reproduzir uma brincadeira, estimular que elas organizem as regras das brincadeiras ou dos jogos e, depois, quando elas mesmas se tornam “juízas” observando quem está seguindo cada regra, traz diversos estímulos positivos e faz do brincar uma forma eficaz e bem divertida de aprendizagem.

Pense na situação em que uma criança de 6 anos se reúne com outras de diversas idades de seu bairro, elas deverão escolher um jogo ou brincadeira que todos conheçam ou possam aprender. Provavelmente essas crianças estudam em colégios diferentes e, portanto, nessa esse é um momento de troca de informações, em que elas conhecem e apresentam diferentes realidades, esse é um momento rico para seu desenvolvimento sócio-emocional.

 

Brincadeiras de rua

Agora que você sabe sobre como estimular que seu pequeno brinque com outras crianças que não são somente as do convívio da escola, que tal sugerir algumas brincadeiras? Listamos aqui algumas antigas, todas podem ser adaptadas, o que importa é que seja divertido para todos.

Bolinha de gude

Você vai precisar de um saquinho de bolinhas de gude. Desenhe um círculo ou triângulo no chão e coloque as bolas no meio. Com o impulso do polegar, o jogador precisa tentar acertar as bolinhas do adversário acertando-as ou somente tentando chegar mais perto possível do alvo desenhado no chão.

Pião

Vocês irão precisar de um pião desses de madeira, ou até de plástico. Eles são rodados no chão através de um barbante que é enrolado nele e puxado com força. E se vocês já dominaram a arte de fazer o pião rodar, podem ir para o próximo passo: fazer malabarismo com os piões enquanto eles rodam.

Pega-pega

Uma das crianças deve ser a “pegadora”, todas as outras devem correr para não serem pegas. Quem for pego vira o próximo “pegador”. Para facilitar a brincadeira vocês podem criar alguns “piques”, pontos em que as crianças estão a salvo de serem pegas.

Elefante colorido

Um participante deve ser o escolhido para liderar e ficar na frente dos outros. Então ele deve gritar: “Elefante colorido”, e os outros respondem: “Que cor?”. O líder fala o nome de uma cor e os jogadores têm que correr para tocar em algo com aquela cor.

Batata quente

Os jogadores precisam formar um círculo, pode ser sentado ou em pé. No meio da roda deve ficar um jogador com os olhos fechados. Enquanto os jogadores passam a bola de mão em mão todos devem cantar: “Batata quente, quente, quente, quente…”. Até que a criança que está no meio grita quando quiser: “Queimou!”. E quem estiver com a bola na mão nessa hora será a próxima a ir para o meio da roda.

Passa anel

Forme uma fila com as crianças lado a lado. Uma delas ficará na frente de todas com um anel na palma das mãos fechadas. Todos devem juntar as mãos, palmas com palmas. O “passador” passará suas mãos pelas mãos das outras crianças e deixará o anel com uma delas que deverá guardar o segredo. Então, o passador deve escolher alguém para adivinhar com quem está o anel, se ela acertar será a nova passadora, se errar sairá do jogo e o passador deve perguntar para outra criança até alguém acertar.

Amarelinha

Com um giz desenhe na calçada ou asfalto um retângulo dividido em dez retângulos menores, essas são as casinhas cada uma numerada de 1 a 10. Na parte de cima, depois do 10, escreva “céu”. A primeira criança a jogar deve ficar parada antes do primeiro retângulo, de lá ela deve atirar uma pedrinha na primeira casinha (essa não poderá ser pisada). Depois, ela deve seguir pelos outros números, sem cair. Se cair ou pisar com os dois pés onde era para pisar só com um perde a vez e na próxima rodada terá que tentar o mesmo número de novo, até acertar. Depois que cada uma passar pela amarelinha, todas devem recomeçar, agora acertando a casinha de número 2 e assim por diante até chegar no céu. Quem chegar primeiro ganha!

 

E para fechar, criamos uma playlist especial com músicas infantis antigas!

 

Related Posts

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.